Robot transforma poluição em eletricidade!
Robot

Robot transforma poluição em eletricidade!

No Reino Unido, um pequeno robot tem fome de águas poluídas.

O Row-Bot, dessenvolvido por investigadores da Universidade de Bristol, nada durante dias — até mesmo meses — procurando por poluição na água, absorvendo-a, digerindo-a e convertendo-a em eletricidade para se auto-carregar e continuar a sua missão

Alimenta-se de micróbios e transforma-os em energia graças ao seu estômago que não é mais que uma célula de combustível microbial. A célula de combustível dá energia a um motor que controla a propulsão e as pás do robot.

Os investigadores foram inspirados por um inseto chamado Corixidae. O Row-Bot pode andar em todos os tipos de água tais como água doce, água salgada e águas residuais.

Este robot nadador foi apresentado na Conferência Internacional IEEE/RSJ sobre Sistemas e Robots Inteligentes, que decorreu em Hamburgo, na Alemanha o mês passado. O artigo escrito pelos investigadores “Row-bot: An Energetically Autonomous Artificial Water Boatman” detalha o funcionamento do robot mais em pormenor.

A tecnologia é de veras promissora, já que o Row-Bot foi capaz de gerar mais energia que aquela que necessitou para se abastecer. Isto significa que o robot pode nadar e nadar… abrindo a possibilidade destes pequenos insetos um dia no futuro poderem ser levados para águas poluídas e limparem-nas – limpando águas de uma forma fácil e eficiente em termos energéticos.

[Fast Company]

deixe um comentário