Sensor dá sensação de toque a robots cirurgiões
Sensor

Sensor dá sensação de toque a robots cirurgiões

Cirurgia robótica já não é algo exclusivo da ficção científica. Porém, ainda falta um elemento muito importante a estes robots – o tato. É aqui que entram os investigadores de Harvard, que desenvolveram um sensor pop-up cujas quatro camadas se aglomeram formando um pequeno mecanismo (apenas um décimo de uma polegada) quando necessário, mas expande-se num sensor 3D graças a uma mola embutida. O design é também extremamente sensível tendo ainda um sensor de intensidade de luz que é capaz de detetar uns mero milinewtons de força.

pop-up-sensor-harvard

 

A tecnologia ainda está longe de chegar aos cirurgiões robóticos e o principal objetivo agora é tornar o sensor mais pequeno e mais resistente. Porém, o equipamento existente já é suficientemente pequeno para caber no minúsculo catéter que vê na imagem, e é barato de se produzir graças a um processo em que os dispositivos basicamente se constroem a eles mesmos. Pode não faltar muito para que máquinas possam realizar operações que requerem um toque delicado, tal como aplicar uma pequena pressão numa ferida.

[Harvard University]

Créditos de Imagem: Joshua Gafford/Harvard SEA

deixe um comentário